quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

CONVOCATÓRIA - Reunião do GPLV

CONVOCATÓRIA
Reunião do GPLV

Estão convocados os membros do Grupo de Pesquisa Literatura e Vida, e convidados os demais interessados, para reunião do GPLV no dia 23/2, das 8h30 às 11h, com a seguinte Ordem do Dia:
1. Informes; 2. Publicações de livros em 2018; 3. Outras Publicações em 2018; 4. Eventos para o biênio 2028-2019; 5. Expediente. 
Três Lagoas, 12 de Fevereiro de 2018. 

Prof. Dr. Rauer Ribeiro Rodrigues
Líder do GPLV
CPAN/UFMS
Profa. Dra. Eunice Prudenciano de Souza
Co-Líder do GPLV
CPTL/UFMS

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Natália Tano Portela defende dissertação na UFMS


A pesquisadora Natália Tano Portela, integrante do GPLV, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, defende, dia 22 de fevereiro de 2018, às 14:30h,  no Câmpus 1 da UFMS/CPTL, a dissertação Três Facies da mulher em contos de Alciene Ribeiro, sob orientação dos professores Rauer Ribeiro Rodrigues e Eunice Prudenciano de Souza.

A banca de mestrado será composta pelo professor Rauer Ribeiro Rodrigues (UFMS) e pelas professoras Aurora Cardoso de Quadros (UNIMONTES) e Ana Lúcia Espíndola (UFMS).

Eis o resumo da dissertação:

RESUMO: Esta pesquisa tem como objetivo geral a identificação de diferentes qualidades de personagens femininas na obra de Alciene Ribeiro a partir da forma como são apresentadas nas narrativas. O recorte do corpus é composto por nove contos dentre os 61 publicados em livros: "Menina-Nuvem"; "Piquitita"; "O inventor de flores"; "Lar doce lar"; "Transa"; "Ave Maria das Graças Santos"; "A ponta do novelo"; "Mulher em recesso" e "Vinte anos de Amélia". Selecionamos três contos com protagonistas que integrassem cada um dos perfis traçados a partir da faixa etária e nível de liberdade da personagem. Partimos do pressuposto de que as personagens femininas nos contos de Alciene Ribeiro passam por um percurso de socialização em que as meninas, nascidas livres, são submetidas a regimes de normalização e assimilação de comportamentos, tal como postulado por Simone de Beauvoir em O segundo sexo e por Elena Gianini Belotti em Educar para a submissão. Em seguida, na fase adulta, as personagens passam por um período de performance dos comportamentos internalizados sob o jugo da dominação masculina descrita por Pierre Bourdieu, para, anos depois, terem uma espécie de tomada de consciência que as fazem buscar sua liberdade. Em razão das especificidades do gênero conto, não é possível perceber uma mesma personagem passando por todos esses estágios; no entanto, encontramos um padrão que demonstramos ao longo da dissertação. Para tanto, fizemos uma leitura do corpus a partir do princípio do iceberg, de Ernest Hemingway, e das “Teses sobre o Conto”, de Ricardo Piglia, além do palimpsesto na literatura de autoria feminina, conforme descrito por Sandra Gilbert e Susan Gubar.


Palavras-chave: Conto; Literatura Brasileira; Literatura de Autoria Feminina; Mulher; Violência.

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Integrante do GPLV faz Exame de Qualificação com trabalho sobre Alciene Ribeiro


      A mestranda do GPLV, Maria do Socorro Pereira Soares Rodrigues do Carmo, com o trabalho A esperança é um doce: o acervo de Alciene Ribeiro, o pai bêbado e o filho do pinguço sob orientação dos professores Rauer Ribeiro Rodrigues e Eunice Prudenciano de Souza –, faz seu Exame de Qualificação na UFMS, Câmpus 1 de Três Lagoas, em 22 de fevereiro de 2018, em banca presidida pelo professor Rauer Ribeiro Rodrigues, sendo arguidoras as professoras Marlene Durigan e Cristiane Rodrigues de Souza.

      O resumo do trabalho pode ser conferido abaixo:

RESUMO: Esta pesquisa de mestrado articula-se em três produtos principais: o estudo de uma novela da autora mineira Alciene Ribeiro (1939- ), a classificação e catalogação de parte do acervo literário da escritora e a descrição e organização do acervo pertinente à obra analisada. O primeiro tem por substrato elementos biográficos coletados a partir do acervo e, em especial, dezoito documentos que mencionam o livro *_Filho de Pinguço_* nas diversas fases de sua produção, da gênese à circulação da obra. Trata-se de uma narrativa lançada em 1983, ano em que recebeu o prêmio _Coleção do Pinto_, e que teve novas edições em 1986, 1989, 1991, 1992 e 1995. A autora teve intensa produção ficcional nos anos 1970-1980, produção que decaiu na década de 1990-2000 e que agora vem tendo uma anunciada nova leva de textos para vir à luz. Ao recebermos essa parte do acervo, registramos o material recebido e, em seguida,nós o organizamos e catalogamos conforme orientações contidas no _Manual de Organização do Acervo Literário de Érico Veríssimo_, de Maria da Glória Bordini (2014). São documentos dos mais diversos tipos, tais como correspondência ativa e passiva, dedicatórias, entrevistas, fotografias, memorabilia, livros, prêmios, contratos. Para a análise da novela, foram utilizados aspectos das teorias da narrativa, em especial as categorias da narrativa, permitindo-nos concluir que Alciene Ribeiro trata seus personagens com genuína compaixão e acredita que a humanidade pode purgar seus desvarios, pois há sempre esperança de um momento novo que signifique o fim das amarguras pretéritas.

Palavras-Chave: Literatura Brasileira. mulheres. Memória documental.  Catalogação. Classificação. Alcoolismo. Criança.


CARMO, Maria do Socorro Pereira Soares Rodrigues do. *_A esperança é um doce: o acervo de Alciene Ribeiro, o pai bêbado e o filho do pinguço_*. Três Lagoas, 2018. 209 fls. Dissertação (Mestrado, Estudos Literários) – UFMS/CPTL.

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

AGENDA IMPERDÍVEL PARA 2018


CONVITE

Temos a satisfação de convidar para as bancas de qualificação e defesa, de mestrado e doutorado, que acontecem em fevereiro de 2018. Confira a programação:

Dia 21/2, qualificação do Profletras da Tatiane Montanher, O conto em sala de aula, às 9h30.

Dia 21/2, defesa do Profletras do Edemir Bagon, O microconto em sala de aula, às 14h30.

Dia 22/2, qualificação de mestrado da Maria do Socorro, O acervo de Alciene Ribeiro, às 9h30.

Dia 22/2, defesa de mestrado da Natália Tano, Três faces da mulher em contos de Alciene Ribeiro, às 14h30.

Dia 23/2, defesa de doutorado da Enedir Santos, Erotismo como resistência na obra de três escritoras brasileiras, às 13h30.

 Todas as bancas serão na Unidade I da UFMS,  Câmpus de Três Lagoas.

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

TCC estuda um conto de Alciene


CONVITE
Como orientador dos trabalhos e presidente das bancas, tenho a satisfação de convidar para as bancas de apresentação e arguição dos Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) dos graduandos Mariana da Silva Santos e Pedro Mauro Sobrinho da Costa Garcia, conforme a seguinte programação: Dia 2/12, sábado, às 8h, na Sala 6 da Unidade II: O espaço urbano em Poemas Concebidos Sem Pecado, de Manoel de Barros, com fotos dos locais representados, por Mariana da Silva Santos, sendo arguidores os Profs. Drs. Alcione Maria dos Santos e Fabiano Quadros Rückert; Dia 7/12, quinta-feira, às 15h30, na Sala 6 da Unidade II: Personagens femininas, narrador e ponto de vista: leitura do conto "A porta de serviço é serventia da morte", de Alciene Ribeiro, por Pedro Mauro Sobrinho da Costa Garcia, sendo arguidores os Profs. Drs. Alcione Maria dos Santos e Alfredo Ricardo Silva Lopes. Contamos com sua presença. ​Cordial abraço, Prof. ​Rauer.

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE REUNIÃO DO GPLV



CONVOCAÇÃO

Ficam convocados os integrantes do Grupo de Pesquisa Literatura e Vida, GPLV, e convidados os demais interessados, para reunião do GPLV, no dia 11 de novembro, sábado, no Câmpus 1 da UFMS de Três Lagoas, das 9h às 12h, para discutirem e deliberarem sobre a seguinte pauta:
1.     Informes;
2.   Avaliação 2017;
3.   Planejamento 2018.

Três Lagoas, 04 de novembro de 2017.
Rauer Ribeiro Rodrigues/Líder do GPLV
Eunice Prudenciano de Souza/Co-Líder do GPLV

sábado, 14 de outubro de 2017

Pesquisas que abordam obra de Alciene serão debatidas no 9º Seminário do GPLV

O 9º Seminário do GPLV, que acontece de 25 a 27 de outubro na UFMS de Três Lagoas, mantendo a tradição do evento e mesmo sua razão maior, realiza debates de projetos de pesquisa por iniciar ou no início, e o debate de relatórios de pesquisa já em andamento ou mesmo próximo da finalização.
Esses debates têm qualificado as pesquisas realizadas, propiciando enriquecimento do trabalho final, e têm sido fonte de aprimoramento constante dos estudos realizados no âmbito do Grupo de Pesquisa Literatura e Vida. Tal benefício não é só do projeto ou relatório debatido, mas de todos que assistem ao evento, pois as orientações, dicas, críticas e comentários são válidos para outros objetos e outros estudos.
O relatório de uma pesquisa de mestrado em andamento sobre a obra de Alciene Ribeiro será debatido no evento, assim como três outros projetos que têm no corpus contos de Alciene; respectivamente, os trabalhos de Maria Rodrigues do Carmo, Ronaldo Vinagre Franjoti, Maisa Barbosa da Silva Cordeiro e Tatiane Dias Montanher.
As sessões acontecem na sexta-feira, dia 27, das 13h às 17h10. Para mais informações sobre o evento, clique aqui. Eis os debates programados para este 9º Seminário do GPLV:

Mesa
Projeto  /  Autor
Debatedor




1.
1.1. O Hibridismo de Gêneros na Prosa de Wilson Bueno – Projeto de Doutorado de Eliza da Silva Martins Peron
Márcio  Scheel
(UNESP / SJRP)
1.2 Luiz Vilela: da Face Pública à Ars Poetica – Projeto de Doutorado deRodrigo Andrade Pereira
Rogério da Silva Lima
(Abralic / UnB)
1.3 Ruínas e Modos de Narrar em A Cabeça, de Vilela, e em Sete Contos de Fúria, de Vieira – Projeto de Doutorado de Marcos Rogério Heck Dorneles
Márcio  Scheel
(UNESP / SJRP)
1.4 Não é Nada: Um Estudo Sobre a Presença do Niilismo no Conto Brasileiro Contemporâneo – Projeto de Doutorado deRonaldo Vinagre Franjotti
Rogério da Silva Lima
(Abralic / UnB)



2.
2.1 Caracterização de Personagens e Le-tramento Literário – Pré-Projeto de Pesquisa do PROFLETRAS de Tatiane Dias Monta-nher
André Dias
(UFF)

2.2 A esperança é um doce: o acervo de Alciene Ribeiro, o pai bêbado e o filho de pinguço – Relatório de Pesquisa de Mestrado de Maria do Socorro Pereira Soares Rodrigues do Carmo
Maria Cristina Cardoso Ribas
(UERJ)
2.3  Jardim ensimes-mado: A vertigem metafórica de Claudia Roquette-Pinto - Projeto de doutorado de Eloiza Fernanda Marani
André Dias
(UFF)




3.
3.1 Acovardamento e silenciamento em Os Novos, de Luiz Vilela – Projeto de Mestrado deMateus Antenor Gomes
Luiz Gonzaga Marchezan
(UNESP / ARARAQUARA)
3.2 Mulheres Protago-nistas na Literatura Juvenil Contemporâ-nea Brasileira – Projeto de Doutorado de Maisa Barbosa da Silva Cordeiro
Tânia
Regina
Oliveira
Ramos
(UFSC)
3.3 Formas espaciais nos romances de Adriana Lisboa – Projeto de Doutorado de Osmar Casagrande Júnior
Luiz Gonzaga Marchezan
(UNESP / ARARAQUARA)
3.4 LITERATURA E HIS-TÓRIA: ferramentas teóricas e metodo-lógicas da Crítica Literária amparada no Materialismo Histórico como ins-trumento de ensino interdisciplinar de História e de Lite-ratura – Projeto de Pós-Doutorado de Alfredo Ricardo Silva Lopes
Tânia
Regina
Oliveira
Ramos
(UFSC)